Saiba mais sobre a espécie Betara

download (1)A Betara é um peixe muito comum ao longo do litoral brasileiro, com maior ocorrência na região Sudeste. Habita os canais que se formam nas praias arenosas, sendo que os indivíduos adultos ficam no fundo e os mais jovens nas águas mais rasas.

Veja abaixo mais detalhes da espécie:

Nome Popular

Betara, Embetara, Papa-terra/Southern Kingcroaker

Nome Científico

Menticirrhus americanus

Família

Sciaenidae

Distribuição Geográfica

Regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Sul (do Amapá ao Rio Grande do Sul).

Descrição

Peixe de escamas; corpo alongado e comprimido; boca voltada para baixo; barbilhão curto e duro na mandíbula. A coloração é prateada, com manchas escuras alongadas sobre a cabeça, o dorso e os flancos; o ventre é esbranquiçado. Dificilmente ultrapassa 60cm de comprimento total e 1,5kg.

Ecologia

É um peixe muito comum ao longo do litoral brasileiro, com maior ocorrência na região Sudeste. Habita os canais que se formam nas praias arenosas, sendo que os indivíduos adultos ficam no fundo e os jovens nas águas mais rasas. Alimenta-se de pequenos peixes, crustáceos, moluscos e minhocas, que ficam expostas pela ação das ondas. Existe uma outra espécie de coloração mais escura, que costuma freqüentar os canais dos estuários. A carne é muito saborosa, mas é consumida principalmente por pessoas que conhecem bem esse peixe, como os pescadores amadores.

Equipamentos

Equipamento de ação leve; linhas de 6 a 10 lb.; anzóis pequenos de n° 12 a 16. Como a boca desse peixe é voltada para baixo, as pernadas devem manter os anzóis bem perto do fundo.

Iscas

Somente iscas naturais, como camarão, minhoca de praia (a mais eficiente) e moluscos.

Dicas

Pode ser capturado de dia e à noite. Nas pernadas deve-se utilizar somente fio de nylon.

Fonte: PNDPA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Precisa de ajuda
Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.