Se o tema é desafio e aventura, o Pesca Alternativa está envolvido e, desta vez quem encara esta jornada é Lusca Pacheco.

Neste programa, vamos acompanhar nosso pescador em uma pescaria que sai dos padrões convencionais, em que o barco é substituído pelo caiaque! Lusca vai até o Pesqueiro Córrego Antas, em Glicério, a 500 km da capital paulista. O local com fama de concentrar grandes peixes, nosso pescador testa seus limites pescando de caiaque, em que depois da fisgada quem parece comandar é o peixe!
Programa Pesca Alternativa PGM 218

Pescaria de caiaque no Pesqueiro Córrego das Antas
Locais da Pescaria: Pesqueiro Córrego das Antas – Glicério – SP
Pescador: Lusca
Tipo da pescaria: pesca de arremesso com bóias e chicotes de fundo com iscas naturais e miçangas
Peixes: Tambacus e Pirararas

Neste programa Lusca contou com o apoio e os serviços da Pousada Jerusalém.

Pesqueiro Córrego das Antas
(18) 3647-6278
www.pesqueirocorregodasantas.com.br

Caiaques Brudden
(14) 3452-5775

Equipamentos Utilizados

1°Conjunto (Pirararas)

– Vara SHIMANO® Compre – 7’0’’ (2,10m) 17 – 40 libras;
– Carretilha SHIMANO® Calcutta 700 TE;
– Linha Monofilamento Triumph® Super Strong 40 libras (0,52mm)

2° Conjunto (Tambacus)

– Vara Shimano® Trevala – 7’0” (2,10m) 12 -30 libras;
– Molinete SHIMANO® Ultrega 5000;
– Linha Multifilamento Triumph® Super Dyneema 30 libras (0,25mm);

Para os Tambacus, Lusca montou seus chicotes com Bóias Shot , Leader de fluorcarbono Triumph® Super Shock Leader de 30 libras (0,44mm) e anzóis Sasame® Snook 3/0. Como iscas miçangas.

Já para as Pirararas, Lusca utilizou Anzóis 7/0, 8/0 e 9,0 e como iscas foram utilizados pequenos Cascudos.

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

4 thoughts on “Pesca Alternativa PGM 218- Lusca no Córrego das Antas

Deixe uma resposta