Por: Marcelo Berlinski

Chumbadas variadas

 

E ai, pessoal tudo bem com vocês?

Vamos tratar de um assunto hoje que considero de extrema importância para uma boa pescaria, mas, infelizmente vejo muita gente nas praias usando o material incorreto nas pescarias de praia.

Bom, isso é uma dúvida que acredito que muitos tenham, pois sempre que eu vou pescar na praia vejo o pessoal usando a chumbada errada. Ou é leve, ou pesada, ou o modelo não é ideal para aquela maré daquele dia, etc.

Em primeiro lugar, algumas coisas que devemos analisar quando chegamos para pescar em uma praia é se o mar está calmo ou de ressaca, se está parado ou correndo para os lados, e coisas desse tipo. Até o vento devemos reparar.

Mas, pra isso, primeiro temos que preparar o material adequado para pesca de praia ainda em casa. Não apenas as chumbadas, mas todo o material, como, por exemplo, tipo de vara, molinete, linha, entre outras coisas. Devemos lembrar que a pescaria de praia pode não parecer mas é uma das mais difíceis que existe pois são vários fatores envolvidos.

Vamos analisar alguns deles:

Em uma praia nós temos, vento, ondas, correntezas, canais, tipo de peixe que desejamos pescar etc, e com isso temos que levar o material correto como, varas para arremessos longos, molinetes do tipo, long cast, linha o mais fina possível para que o arremesso vá o mais longe possível, anzol do modelo correto e chicote montado da forma correta.

Bom, ai chegamos na parte da chumbada, e nos perguntamos, afinal, qual chumbada usar com o material que estou utilizando e com a maré do jeito que está hoje?

Ok, a primeira coisa devemos nos atentar ao material que estamos utilizando naquele dia.

Vamos a um exemplo:

Você levou uma vara de fibra de carbono de 4.20m. Ok, eu acho um tamanho ideal, mas qual peso de chumbada você vai usar? AÍ, você precisa ficar atento no casting da vara. Por exemplo, a vara tem um casting de 80 a 250 gramas. Então você já sabe que a chumbada precisa pesar no mínimo 80 e no máximo 250 gramas, pois, pelo contrário se for uma chumbada com peso abaixo do indicado na vara o arremesso praticamente não vai sair, vai ser um arremesso extremamente perto e digamos, meio “frouxo”.

Já se você usar uma chumbada com peso acima do indicado na vara, no caso acima dos 250 gramas, a vara pode simplesmente não aguentar e quebrar. Então, em primeiro lugar devemos combinar o casting da vara com o peso do chumbo.

Ok, agora temos um segundo fator que é qual modelo de chumbada você deve utilizar na pescaria de praia?

Bom, existem vários modelos de chumbadas que podem ser aplicadas na pescaria de praia, mas para simplificar eu vou resumir a apenas dois modelos para facilitar pra todos, principalmente para os iniciantes.

Vamos aos modelos:

Bom, digamos que você chegou para pescar hoje e o mar está calmo, não está correndo e digamos, está aquele mar ideal para pesca.

Nesse caso eu recomendo o modelo BOMBA.

Chumbada Bomba

Esse modelo é muito bom, pois é muito utilizado para arremessos a longa distância. Seu formato tem uma ótima aerodinâmica, ajudando muito nos lançamentos. Então, para um mar calmo, eu recomendo o modelo BOMBA.

E, se pelo contrário, você chega na praia e o mar está bem agitado e correndo para os lados?

Aí eu recomendo o modelo PIRAMIDE.

Chumbada piramide comumChumbada piramide concava

Esse modelo é excelente para esse tipo de mar pois ele afunda na areia se fixando muito bem e fazendo o chicote ficar exatamente onde desejamos.

Mas o modelo pirâmide tem algumas desvantagens, que são as seguintes:

O arremesso não costuma ser tão longo em comparação com o modelo bomba, já que a aero dinâmica da chumbada pirâmide não ajuda muito no arremesso e acaba fatalmente caindo mais perto.

Também tem a desvantagem de quando estamos puxando, ou seja, quando estamos recolhendo o arremesso, sentimos um peso muito grande já que a pirâmide vem arrastando na areia e prendendo no fundo, justamente por causa do seu formato.

Area de contato das chumbadas (comparação)

Mas o ponto positivo é que pelo menos nós conseguimos manter a chumbada parada no local que arremessamos e conseguimos passar um dia agradável de pescaria.

Para finalizar, eu gostaria de mencionar uma terceira chumbada que funciona muito bem tanto em mar calmo quanto em mar mais agitado, que é a chumbada BOMBA COM HASTE DESARMÁVEL.

Chumbadas com alça desarmavel

É uma chumbada do tipo bomba que tem hastes desarmáveis. Funciona da seguinte maneira. Quando for arremessar nós armamos a garatéia e jogamos e deixamos apoitar no local de pesca. A chumbada vai fazer seu papel de manter o chicote no local mesmo com um mar mais mexido, justamente pela presença das hastes na chumbada, funcionando basicamente como uma chumbada PIRAMIDE. A grande vantagem está no recolhimento, pois quando recolhemos, as hastes simplesmente desarmam deixando um recolhimento tão suave com o das chumbadas BOMBA normais.

Então, resumindo, eu recomendo chumbadas BOMBA para mar calmo, chumbada PIRAMIDE para mar agitado, e chumbada BOMBA COM HASTES DESARMÁVEIS, servindo como uma chumbada “coringa”, tanto para mar calmo quanto para mar agitado.

Aerodinamica Chumbada

Espero ter colaborado com vocês em mais essa matéria.

E vejam as imagens, reparem bem nos detalhes das chumbadas, e na suas próximas comprinhas experimentem levar algumas dessas pra casa.

Esteja sempre bem preparado nas suas próximas pescarias e não esqueça, vamos pescar! 😉

Por: Marcelo Berlinski

Total 39 Votes
1

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

11 thoughts on “QUERO IR PESCAR NA PRAIA. QUAL CHUMBADA USAR?

  1. luiz says:

    Olha na praia o chumbo tem que correr o chicote tem que ter uns 2 mas pra que a isca se movimente uso assim é pego muitos peixes robalos cortinas papos todos pra mais de quilo então escolha chumbo tipo pingo são os melhores….

  2. ruitaro alexevitch okubo da silva says:

    Keven – Já experimentou usar a chumbada pirâmide capela???? Tem boa ancoragem e não enrosca tão fácil como a pirâmide comum.Infelizmente pesca em costeira,parcel,lajes, implica em perdas.Mas usei diversas vezes pirâmide capela na Queimada Grande,Parcel D. Pedro, dos Reis e as perdas foram menores.Quanto ao sistema de bóia apoitada,tem que ter boa linha e muito preparo físico para arrancar a garatéia do fundo,rsrsrsrs.Quanto as pirâmides, se não for “sentar o braço”, fazer arremesso longo, use um girador triplo no anzol de baixo.A linha pra chumbada, use uma de bitola com a metade da bitola da linha principal e do chicote.Se enroscar vc não força demais a linha principal e salva o chicote.A única perda seria a chumbada.Boas pescarias.

  3. keven says:

    É por que eu estava pescando com chumbo piramide mas prendia muito nas rochas, eu usei um chumbo
    um poco parecido com o bomba, ele n é tanto redondo como o bomba pesava 150g e foi perfeito
    eu estava pescando em guaruja-sp no paredão dos pescadores a noite p/ pescar peixe espada e foi uma boa usei um sistema de boia apoitada que deixava a boia parada independente das ondas e correnteza

  4. ruitaro alexevitch okubo da silva says:

    Keven – infelizmente não podemos competir com a natureza.Mas podemos tentar “amenizar”.Procure usar linhas de multifilamento, sugiro a 0,06 mm cristal da Berkley ou a 0,17 mm da Tuf line ou da Power Pro.Use leader da Onix para 50 libras (são baratas).Quanto as chumbadas, não tem jeito.Com exceção das chumbadas aranhas ou desarmáveis todas as outras sofrerão efeito da correnteza.Pessoalmente não gosto dos arranques cônicos.Uma dica: – se pescar com multifilamento preste atenção nas lanchas. Aqui na Praia Grande – SP passa muitas dos Bombeiros.Se vc se distrair, a hélice pega a linha e vc terá prejuízo.Tava esquecendo o comprimento do leader deve ser o dobro do comprimento da vara. Boas pescarias.

  5. Ruitaro Alexevitch Okubo da Silva says:

    Ricardo Fernandes – Numa pesca de praia o chicote para a chumbada aranha ou desarmável é o mesmo do chicote tradicional..Vc tem que respeitar o comprimento da pernada. NÃO PODE ser do comprimento que chegue até a chumbada. E isso vale até para TODAS as pernadas senão o anzol de cima SEMPRE pegará a pernada de baixo.Uma dica : – EM PESCA DE PRAIA não faça chicotes com muitas pernadas. GERALMENTE o peixe bate no primeiro e segundo anzol.Faça um chicote com 1,20 m de comprimento e duas pernadas com 0,35 cm de comprimento, se bater baiacu vc terá pernada para colocar anzol reserva.É claro, se vc tiver usando uma vara de 4,20m.

  6. ruitaro alexevitch okubo da silva says:

    Gostaria de fazer alguns comentários: – Se a vara tiver um casting de 250 gr NUNCA, repito, NUNCA use uma chumbada de 250 gr. porque estará no limite de resistência da vara e ainda tem o peso da isca. Sugiro uma chumbada de 150 gr.O Berlinski esqueceu de dizer que o peso da chumbada tem a ver com a bitola da linha.Quanto mais fina a linha, maior a necessidade de usar um leader.O mar sem correnteza pros lados não é o ideal. O melhor é quando está “correndo pro sul”.Quando a correnteza está pra nordeste não bate peixe fácil.Quanto as chumbadas desarmáveis ou chumbada aranha preste atenção se as “pernas” não desarmam fácil demais.Senão o arrasto da correnteza vai desarmá-las e vcs gastarão dinheiro à toa.Boas pescarias.

  7. Antonio Jorge Cavadas dos Santos says:

    pessoal da pesca alternativa obrigado pelas dicas continuem sempre mandando dicas para nos pesca alternativa nota 1000 estou sentindo falta do marcao abraço em todos

Deixe uma resposta